Eco Tender de 25m toma forma na Perini Navi

Eco-Tender-de-25m-toma-forma-na-Perini-Navi-boatshopping

O estaleiro italiano Perini Navi fez rápido progresso no projeto Eco Tender recentemente anunciado – como mostram essas primeiras fotos da construção, o casco e a superestrutura já estão completos.

Este iate em alumínio de 25 metros deve ser entregue no início de 2019 como um tender e embarcação de apoio para um cliente que também possui um veleiro Perini Navi de 50 metros.

Eco-Tender-de-25m-toma-forma-na-Perini-Navi-boatshopping

Falando no ano passado, Luca Boldrini, diretor de vendas de iates a motor da Perini Navi, explicou: “O projeto surgiu das discussões para um veleiro maior. O que eles realmente queriam era um espaço de cabine mais flexível para acomodar convidados individuais ou crianças. À medida que eles preferem ancorar longe da costa, eles também queriam explorar mais perto da costa em algo mais substancial do que um bote convencional”.

Eco-Tender-de-25m-toma-forma-na-Perini-Navi-boatshopping

O design resultante herda o estilo Perini Navi com aparências graciosas e interiores confortáveis. Suas linhas são cortesia do chefe de design interno do estaleiro italiano, Franco Romani.

A acomodação é para até seis convidados divididos em três cabines, incluindo uma cabine VIP ocupando toda a boca, uma cabine dupla e uma cabine com beliche, enquanto os quartos compactos da tripulação podem acomodar duas pessoas. As principais características incluem uma decoração de interiores contemporânea e uma área de estar embutida, que permite ao proprietário perseguir suas outras paixões de observação de pássaros e fotografia da natureza.

Eco-Tender-de-25m-toma-forma-na-Perini-Navi-boatshoppingEco-Tender-de-25m-toma-forma-na-Perini-Navi-boatshoppingEco-Tender-de-25m-toma-forma-na-Perini-Navi-boatshopping

A potência virá de um sistema de propulsão diesel-elétrico que compreende dois motores MAN de 1.627 HPs com jatos de água Hamilton para uma velocidade máxima de mais de 30 nós. O proprietário também pode optar por um modo de emissão zero que usa um banco de baterias para alimentar os jatos de água – ideal para explorar parques marinhos ou outras áreas ambientalmente sensíveis.

Boldrini descreve este sistema como um “primeiro”, acrescentando que o ímpeto veio do dono amante da natureza, que tem um “enorme respeito pelo meio ambiente”.

Perini Navi